fulinaíma

sábado, 19 de março de 2011

POETAS DE CABECEIRA: PALESTRA SOBRE TORQUATO NETO


Localização Centro Cultural São Paulo
Vergueiro, 1.000
São Paulo, Brazil

Poetas de Cabeceira é um ciclo mensal de palestras realizado no Centro Cultural São Paulo. Em cada encontro, um convidado fala sobre o seu poeta favorito, abordando biografia do autor, contexto histórico, análise da obra e leitura comentada de poemas do autor. O objetivo da atividade é levar ao público informações sobre poetas importantes da literatura brasileira e internacional. O ciclo começará no dia 22, às 19h, na Sala de Debates da Biblioteca do CCSP, com uma palestra de Ademir Assunção sobre Torquato Neto.

Em abril, Marcelino Freire conversará com o público sobre Manuel Bandeira, em maio, Donizete Galvão falará sobre Carlos Drummond de Andrade e em junho Marcelo Tápia apresentará uma palestra sobre Augusto de Campos, que em 2011 completou 80 anos. Em todos os encontros do ciclo a entrada é franca e não é necessário retirar ingressos.

por Claudio Daniel via facebook


formigas no formigueiro

hoje na candelária a caminho da cinelândia alguma coisa acompanha o inconsciente coletivo não sei se mar de espanha areia aranha a cois que extrapola as páginas de algum livro o sangue do carrapato as solas do meu sapato pedra n0 meu caminho não sei se urubus ou passarinho são mesmo o que me provocam o coração em desmantê-lo o verde amarelo rubro ou 31 de outubro as duas horas da tarde lendo garcia lorca na aldeia de arcozelo sabendo no alvorada o palácio de brazilha algo fora da trilha deixa o povo em alvoroço como formigas no formigueiro




Dilma recebe Obama no Palácio do Planalto

Dilma recebe Obama no Palácio do Planalto (Foto: AE)

Brasília, 19 mar (EFE).- A presidente Dilma Rousseff recebeu na manhã deste sábado o presidente americano, Barack Obama, no Palácio do Planalto, com honras de Estado para a visita oficial do líder, que chegou nesta manhã à Base Aérea de Brasília a bordo do avião Air Force One.

Obama passou em revista à tropa integrada por 217 soldados da Guarda Presidencial e subiu a rampa de entrada do Palácio, onde era esperado por Dilma e pelo ministro das Relações Exteriores, Antonio Patriota.

Leia também:
Brasil e EUA assinam cooperação em Copa e Olimpíada
EUA e Brasil discutem promoção do 'trabalho decente'


Com um amigável aperto de mãos, a governante brasileira recebeu Barack Obama, sorridente. A primeira-dama americana, Michelle Obama, se juntou ao grupo no alto da rampa para a cerimônia protocolar.

A banda oficial da Presidência tocou os hinos dos dois países, em frente à Praça dos Três Poderes, totalmente esvaziada por motivos de segurança, enquanto a artilharia do Exército disparava uma salva de 21 tiros de canhão.

Após a cerimônia, Dilma e Obama fizeram um percurso pela exposição "Mulheres, Artistas e Brasileiras", que será aberta ao público na próxima quarta-feira.

Em seguida, os dois líderes tuveram uma reunião de trabalho que durará cerca de uma hora e meia, após a qual farão um pronunciamento conjunto à imprensa e se dirigirão ao Palácio do Itamaraty para um almoço oferecido pela Chancelaria brasileira, com um cardápio tipicamente brasileiro.

Na sede do Ministério das Relações Exteriores, Dilma e Obama participaram da cerimônia de encerramento de uma reunião de empresários brasileiros e americanos.

Posteriormente, Obama seguiu para o Centro de Convenções Brasil 21, onde pronunciou um discurso em um seminário que reúne uma centena de empresários do Brasil e dos Estados Unidos.

As atividades do presidente americano em Brasília terminam no final da tarde com uma recepção que Dilma oferecerá no Palácio da Alvorada, residência oficial da presidente, após a qual o governante americano partirá para o Rio de Janeiro.

No Rio, acompanhado da família, Obama pretende visitar o Cristo Redentor e proferir um discurso no Theatro Municipal, no centro da cidade.

O pronunciamento estava inicialmente previsto para ser realizado a céu aberto, mas os organizadores da visita preferiram restringir o público. A Embaixada dos EUA explicou que a mudança ocorreu devido a "uma série de preocupações", sem especificar quais, mas que aparentemente estavam relacionadas à segurança do presidente.

Obama passará a noite de domingo no Rio de Janeiro e, na segunda-feira de manhã, partirá ao Chile, segunda escala de sua viagem pela América Latina, que incluirá posteriormente El Salvador. EFE

fonte: http://www.yahoo.com.br/

Nenhum comentário:

CAMPOS DOS GOYTACAZES

Quem sou eu

Minha foto
meu coração marçal tupã sangra tupi e rock and roll meu sangue tupiniquim em corpo tupinambá samba jongo maculelê maracatu boi bumbá a veia de curumim é coca cola e guaraná