fulinaíma

sexta-feira, 14 de outubro de 2011

TABLET JÁ É REALIDADE NO CAMPUS CAMPOS CENTRO


fonte: www.camposcentro.blog.br

IMG_2171
O Programa Tecnologia, Comunicação, Educação (PTCE), implantado pelo IF Fluminense, campus Campos Centro, em 2010, vem ampliando pesquisas sobre os meios na pedagogia. A ação mais recente inicia-se neste segundo semestre, com a utilização de tablets por um grupo de alunos da Licenciatura, num projeto piloto coordenado pela professora Silvia Cristina Batista. Os tablets adquiridos se somarão às pesquisas da professora que constrói uma metodologia para a utilização de dispositivos móveis na educação. A pesquisadora declara que já utiliza o Moodle em um ambiente de aprendizagem com utilização do celular, trabalho que demanda uma infra-estrutura que o campus oferece de forma cada vez mais eficiente, inclusive com a disponibilização de sinal gratuito para os estudantes. “Com os tablets, os processos serão mais facilitados, pela possibilidade de visualização e facilidade de digitação. Trata-se de um passo importantíssimo num projeto educacional que só apresenta resultados positivos”, ressalta Silvia.
Nas palavras do diretor do campus, professor Jefferson Azevedo, este programa é bastante ousado e vai mudar paradigmas do ensino na instituição. “Depois de equiparmos as salas de aula e entregarmos um notebook a cada professor, precisávamos ampliar a discussão pedagógica a respeito da potencialidade desse universo tecnológico que muda definitivamente a forma de o ser humano interagir com o mundo e com o conhecimento. O tablet é fundamental aliado nas novas metodologias de ensino”, afirma. Jefferson refere-se ainda ao projeto do ministro da Educação, Fernando Haddad, que sinaliza para a possibilidade de o governo distribuir tablets para todos os estudantes do ensino público. “Temos certeza que essa realidade se aproxima a cada dia”, disse Jefferson.
Na entrega dos tablets aos alunos, em setembro, a professora fez uma explanação a respeito da utilização dos dispositivos citando a disciplina de Matemática como exemplo concreto. “Um gráfico de cálculo, pintado como bicho-papão por muitos, ganha contornos de vídeo game na tela de um computador. Isso estimula essa nova geração, que tem grande intimidade com esse mundo virtual. Além disso, esse cenário virtual possibilita muitas outras ferramentas. Até mesmo nos finais de semana é possível o professor tirar dúvidas de um grupo de estudantes através dos chats”, finalizou a professora Silvia Batista.
Coordenadora do PTCE, a professora Ana Campinho, que também integra grupo de estudo do MEC para avaliação da implantação do tablet na Educação Profissional, ressalta que “os recursos da plataforma Moodle estão disponíveis para os professores e que o grupo de apoio é fundamental neste processo para dirimir qualquer necessidade que surja na utilização das tecnologias”. As ações imediatas do Programa já pautadas são a oferta de cursos no sentido da capacitação continuada aos profissionais com as TIC, acompanhamento das pesquisas que já estão em curso, intensificação do debate a respeito do papel desses recursos tecnológicos no processo da aprendizagem, a  socialização das experiências múltiplas e já exitosas dos professores favorecendo a socialização dessas práticas e a realização de um seminário em que este tema será central.

Nenhum comentário:

CAMPOS DOS GOYTACAZES

Quem sou eu

Minha foto
meu coração marçal tupã sangra tupi e rock and roll meu sangue tupiniquim em corpo tupinambá samba jongo maculelê maracatu boi bumbá a veia de curumim é coca cola e guaraná